quarta-feira, 20 de julho de 2011

Sem seis titulares, Fantasma perde pro Bafo

O Batatais estreou com derrota na Copa Paulista 2011. O Fantasma foi derrotado por 4 a 1, na noite desta terça-feira (19), no estádio Palma Travassos.

Sem poder contar com seis jogadores, o Batatais não segurou o forte e caro time do Comercial, que dá mostrar que realmente é um dos principais candidatos ao título da copinha.

O Jogo – Com a intenção de engrossar a partida, o Batatais procurava marcar forte o Leão do Norte que tinha dificuldades em agredir o Fantasma. Melhor em campo e pressionado, aos 20min, em cobrança de escanteio de Rossato, o volante Vagner subiu para de cabeça tirar o primeiro zero do placar da Joia. Embalado pela torcida, o Comercial fez o segundo gol, quando aos 39min o lateral Rossato cobrou perfeitamente uma falta frontal e não deu chances para o goleiro Célio. Dois minutos após, o Batatais faria seu único gol no jogo, quando o ex-comercialino Gabriel cobrou a  penalidade máxima cometida pela defesa leonina.

Para o segundo tempo, o Leão do Norte voltou com fome de gols. Logo aos 9min, o mesmo lateral Rossato, que participara dos dois primeiros gols, levantou a bola na área e o volante Hudson subiu mais que a zaga para colocar o terceiro gol na conta alvinegra. Tentando descontar o placar, o Fantasma da Mogiana lançou-se ao ataque abrindo espaços para os velozes atacantes leoninos. Aos 28min, o atacante Silvio Junior recebeu cruzamento, fez grande jogada individual, e sem trabalho fechou a goleada, em 4 a 1.

As duas equipes voltam a jogar neste final de semana pela segunda rodada da competição. O Comercial vai até estádio Santa Cruz para fazer o clássico Come-Fogo, sábado, às 16 horas. Já o Fantasma da Mogiana também joga no sábado, às 19h30, frente a Ferroviária, no estádio Oswaldo Scatena.

Ficha Técnica
Comercial 4x1 Batatais

Local: Estádio Palma Travassos, em Ribeirão Preto
Árbitro: Marco Antonio de Oliveira Sá
Cartões Amarelos: Vagner (Comercial) Bélle, Tabarana e Aldo Baiano (Batatais)
Gols: Vagner 20'/1T, Rossato 39'/1T, Hudson 9'/2T e Silvio Junior 28'/2T (Comercial); Gabriel 41'/1T (Batatais)

Comercial – Alex; Rafael Lomas, Marcel, Tavares e Rossato; Jordã, Hudson, Vágner e Daniel Costa (Giglio); Rafinha (Léo) e Silvio Junior (Velicka). Técnico: Márcio Fernandes

Batatais – Célio; Gaucho, Edson Batatais, Aldo Baiano e Tobias; Bélle, Tabarana, Bruno Amaral (Souza) e Felipe Martins (Glédson); Paulo Henrique (Michael) e Gabriel. Técnico: André Oliveira

Foto: JF Pimenta - Tribuna Ribeirão

4 comentários:

  1. DA-LHE BAFO KKKKKKKK

    ResponderExcluir
  2. Em 2009 quando o Comercial era sò Comercial, tiveram dois jogos, 2 a o pro Bafo là e 2 a 0 pra nos aki. Depois que o Comercial passou a ser o time da Lacerda Sports, fica desigual, so os 250 mil que ele gastou pra levar o time na europa daria pra bancar o Batatais um bom tempo... sorte deles... quem sabe nao voltam ao normal... AVE Lacerda

    ResponderExcluir
  3. o resultado até que nao assusta , mas a desorganizaçao foi demais, a bagunça antes do jogo, onibus quebrado, jogadores sem inscriçao, e o pior quem cuida disso tem salario do clube , ai é demais, cabe até uma justa causa e rua,e vamos lembrar tem dinheiro publico investido no clube, então se organizem e quem não tem competencia tem que ir pra rua, to de olho!

    ResponderExcluir
  4. Vixe perder para o Bafo é feio hein?

    ResponderExcluir